Anúncio Patrocinado


Carlinhos Maia chega a 20 milhoes de seguidores

Sucesso absoluto, Carlinhos Maia chegou a marca de 20 milhões de seguidores somente em sua conta do Instagram.

Anúncio Patrocinado

 “É um novo começo. Aqui as histórias são reais, são de gente”, comentou ao celebrar o número. Recentemente, seu perfil na rede social ultrapassou a marca de 2 bilhões de impressões nos Stories, um recorde entre os brasileiros.

O influenciador alagoano produz conteúdos divertidos ao expor sua rotina com o marido Lucas Guimarães, ao lado da família e de vizinhos de sua região. Por meio de sua assessoria de imprensa de imprensa, ele chegou a dar dicas para produzir conteúdo para as redes sociais.

  1. Autenticidade

“Não tente copiar o conteúdo de ninguém. Se inspire em outras pessoas, mas tenha uma “marca” própria. Procure observar o que você mesmo pode ter de particular e use isso a seu favor. Coloque coisas de sua vivência e do seu dia a dia em destaque”.

  1. Escolha um nicho

“Não queira falar sobre tudo na internet, pois você pode acabar se perdendo e se tornando mais do mesmo. Procure se especializar em algum tema, estude sobre ele para que você possa conquistar o seu espaço”. 

  1. Produza conteúdo com frequência

“Produzir conteúdo demanda rotina. Fazer uma publicação a cada 3 meses não vai te ajudar a crescer como influenciador. Faça um planejamento e siga aquilo que você se propôs a fazer. Busque explorar diferentes formatos para que você possa criar um cronograma diversificado”.

  1. Não desanime quando os números não forem os esperados

“Não desista ao se deparar com um resultado “ruim”. Se você está começando, entenda que vai levar um certo tempo até que a visibilidade aumente. Continue produzindo e experimentando coisas novas”. 

  1. Peça ajuda aos amigos

“O engajamento de pessoas próximas como familiares e amigos é essencial quando você está construindo sua identidade no meio digital. É por meio do compartilhamento, curtidas e comentários deles, que seu conteúdo vai aparecer para mais pessoas. Por isso, peça ajuda.”



Fonte do Artigo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui