Anúncio Patrocinado


Seria estranho se não houvesse uma caixinha do pensamento, aquela que guarda todas as lembranças e sentimentos desde a nossa infância. Essa caixinha, se bem guardada, conservada e cuidada, pode durar por uma eternidade, carregando consigo registros de amor e companheirismo. A base que alimenta essa caixinha é o respeito, pois sem ele as regras básicas dos relacionamentos não se sustentam.

Duas garotas formando um coração com as mãos.
Foto: Lauren Richmond/Unsplash

Tem gente que ao longo da vida vai se esquecendo de nutrir essa caixinha ou nutre com registros negativos e desequilibrados, com sentimentos negativos, então a caixinha fica esquecida, suja e em desuso. Estou falando de uma caixa que bate aí dentro de você todos os dias. Uma caixa que acelera ao sentir um cheiro específico, uma música ou um pensamento… Se você carrega amizades da sua infância, boas histórias ficaram vivas na memória; se você ingressou na faculdade e dali nasceram parcerias para a vida adulta, muitas alegrias e aventuras serão partilhadas com seus filhos e família; se você entrou para o mercado de trabalho e um colega te convida para conhecer seu mundo fora dali, provavelmente essa amizade vai durar pra vida toda!

Anúncio Patrocinado

Você também pode gostar

Agora, meu amigo, de que adianta passarmos esse filme na sua mente, recordando etapas de vida, se você não as cultivou, alimentou e cuidou da sua caixinha? Ela poderia estar agora vibrando com todas as lembranças de diversas amizades que ao longo da vida você vivenciou. Ser amigo é saber que existe uma caixinha cheia de amor, respeito e lealdade a ser cultivada.

Como a árvore, que leva décadas para crescer e minutos para ser derrubada, a amizade pode sofrer as mesmas consequências, portanto preserve a sua caixinha para ter recordações e continuar vivendo as pequenas coisas da vida, além das mais importantes: a família e os amores que escolhemos por meio da AMIZADE.

(Homenagem ao Dia da Amizade – 14.02.2020)

O post AMIZADE apareceu primeiro em Eu Sem Fronteiras.



Fonte do Artigo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui