Não dá mais para ouvir as mesmas abordagens simplistas, superficiais e toscas so…

Tempo de leitura: 1 minuto


Não dá mais para ouvir as mesmas abordagens simplistas, superficiais e toscas sobre o emagrecimento. Lidamos com vidas e por isso temos que ser profissionais raros e fudidos, ou seja, exercer nossa profissão com muito comprometimento e responsabilidade, afinal a obesidade é um sério problema e essas pessoas precisam de nossa ajuda. …..
Dizer que para emagrecer basta gastar mais calorias, que o EPOC leva ao emagrecimento, que ter mais massa muscular faz gastar muitas calorias em repouso e que fazer aeróbio principalmente na zona que mais gasta gordura é importante, é ter uma visão bem rasa sobre as alterações fisiológicas presentes na obesidade.
…..
Por exemplo, pessoas obesas tem aumento de citocinas inflamatórias e com isso pode haver redução do controle da saciedade devido a diversos fatores como a Leptina não exercer seus efeitos devido a falha nos mecanismos de sinalização nos níveis dos receptores e pós-receptores, além da redução do GLP-1 e Peptídeo YY que atuam na redução da fome.
…..
A lipólise (quebra da gordura) induzida por catecolaminas pode estar atenuada, e isso está associado à redução da expressão de receptores B2-adrenérgicos e aumento das propriedades antilipolíticas dos receptores a2-adrenérgicos no tecido adiposo.
…..
Obesos tem redução da resposta de vasodilatação e aumento da resposta de vasoconstrição levando ao risco aumentado de agregação plaquetária e com isso risco de infarto agudo do miocárdio e AVC.
…..
Há também menor atividade das enzimas Carnitina Palmitoil Transferase, Citrato Sintase (Ciclo de Krebs) e COX (Cadeia Transportadora de Elétrons), Beta-hydroxyacyl-CoA desidrogenase (Beta Oxidação) o que leva a menor oxidação de gorduras.
…..
A obesidade eleva o risco de aterosclerose, rigidez arterial e aumento da pressão arterial central (pressão na artéria aorta), levando ao risco de doenças cardiometabólicas e de morte. …..
Por isso, precisamos nos preparar (parte técnica e prática) para atender essas pessoas. E assim promover através do treinamento adaptações que irão realmente impactar na metabolização de gorduras (emagrecimento).



Source

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *